Hemorragia menstrual: como identificar e o que fazer

hemorragia menstrual

“Nossa, acho que desceu uma cachoeira agora!” Você também já teve essa impressão? 🩸Pois é … A menstruação é individual para cada pessoa, o que torna difícil determinar o que é considerado um sangramento "normal". Como se define o que é "normal"? Quando suspeitar de uma hemorragia menstrual? Existe hemorragia menstrual emocional? 

Para fins médicos, um sangramento menstrual intenso é definido como uma perda de sangue superior a 80 ml por ciclo. No entanto, pode ser difícil medir a quantidade de sangramento, a não ser que se use um coletor menstrual. Mesmo que você sangre menos do que 80 ml por ciclo, sua qualidade de vida ainda pode ser afetada, especialmente se as menstruações são irregulares e, portanto, difíceis de prever. Assim, a definição mais ampla de sangramento menstrual intenso é descrita como "perda excessiva de sangue menstrual que interfere na qualidade de vida física, social, emocional e material de uma mulher", segundo o National Institute for Health and Care Excellence.

O que é hemorragia menstrual? 🩸

Esse é o nome para o que pode ser chamado de fluxo intenso que pode virar uma complicação. Basicamente, é a definição de um sangramento anormal que ocorre durante o período menstrual.

É considerada uma hemorragia excessiva quando o sangramento é mais intenso ou dura mais tempo do que um período normal – que pode variar de pessoa para pessoa, mas tende a durar de três a sete dias e o sangramento costuma ser leve a moderado.

O diagnóstico da hemorragia menstrual geralmente começa com uma avaliação clínica e histórico médico. O médico pode realizar exames adicionais, como uma ultra-sonografia ou histeroscopia com Biópsia endometrial, para determinar a causa da hemorragia.

Quando devo considerar hemorragia menstrual?

Você deve considerar uma hemorragia menstrual excessiva se o sangramento for intenso ou prolongado em comparação com o seu ciclo menstrual normal. Alguns sintomas de hemorragia menstrual incluem:

  • Sangramento que dura mais de 8 dias;
  • Necessidade de trocar o absorvente a cada 2 horas ou mais frequentemente; (considerar aqui que o absorvente esteja encharcado)
  • Sangramento intenso que impede a realização de atividades normais;
  • Presença de coágulos menstruais grandes;

Se você está experimentando uma ou mais dessas condições, é importante consultar um médico para avaliar a causa e iniciar o tratamento adequado, afinal de contas, ter hemorragia menstrual é perigoso para sua saúde. É super importante ficar de olho, viu? 👀

O que fazer quando se tem hemorragia menstrual? 🤔

Se você está experimentando uma hemorragia menstrual excessiva, é importante seguir as seguintes recomendações:

  1. Consulte um médico: Um médico pode avaliar a causa da hemorragia e prescrever o tratamento adequado.
  2. Mantenha uma dieta saudável: Alimentos ricos em ferro, como carnes vermelhas, frutas cítricas e verduras de folhas verdes, podem ajudar a prevenir a anemia causada por sangramento excessivo.
  3. Mantenha uma boa higiene íntima: Use absorventes confortáveis e troque-os frequentemente, mantenha a área limpa e evite o uso de produtos irritantes. Dê preferência para os de alta cobertura e absorventes orgânicos, livre de substâncias que podem afetar sua saúde íntima de outras formas.
  4. Evite atividades físicas intensas: durante a menstruação, é importante descansar e evitar atividades físicas intensas, especialmente se você está experimentando sangramento excessivo.
  5. Hidratação: sangramento intenso leva a perda de água e desidratação
  6. Use medicamentos prescritos: nada de sair por aí se automedicando, ok? Se o seu médico prescrever medicamentos para tratar a hemorragia, é importante seguir as instruções e usá-los corretamente.
  7. Siga as recomendações do médico: Seu médico pode recomendar mudanças no estilo de vida, como perda de peso ou redução do estresse, para ajudar a controlar a hemorragia menstrual.

Em resumo, o tratamento da hemorragia menstrual depende da causa e pode incluir mudanças no estilo de vida, medicamentos ou cirurgia. É importante consultar um especialista para avaliar a causa e iniciar o tratamento adequado o quanto antes.

O que causa hemorragia menstrual excessiva?

Existem diversos motivos e fatores que podem levar a um sangramento além do esperado. Entre as principais delas, estão:

  1. Distúrbios hormonais: Desequilíbrios hormonais, como hipertireoidismo ou hipotireoidismo, podem causar sangramento menstrual excessivo.
  2. Distúrbios do sangue: anemia por deficiência de ferro ou outras condições sanguíneas, como coagulopatias, podem ser causadas pelo sangramento menstrual excessivo.
  3. Problemas uterinos: Condições uterinas, como miomas uterinos, pólipos uterinos ou endometriose, podem causar sangramento menstrual excessivo.
  4. Problemas do revestimento uterino: Condições que afetam o revestimento uterino(endométrio), como aderências ou infecções, podem causar sangramento menstrual excessivo.
  5. Uso de anticoncepcionais: Alguns tipos de anticoncepcionais, como os que contêm progesterona, podem causar sangramento menstrual excessivo durante o período de adaptação
  6. O câncer e pré-cânceres são causas incomuns, mas notáveis, de sangramento anormal. Embora possam resultar em menstruações intensas, os cânceres e pré-cânceres tendem a causar sangramentos irregulares entre as menstruações.
  7. Alguns tipos de coagulopatia (uma disfunção hereditária que impede que o sangue coagule adequadamente), podem causar sangramentos intensos desde a primeira menstruação (menarca).
  8. A Disfunção Ovulatória, que é a falta ou irregularidade de ovulação, é um problema hormonal que pode causar sangramentos irregulares, incluindo menstruações intensas.
  9. Outras causas: Algumas condições, como o estresse ou a obesidade, podem contribuir para o sangramento menstrual excessivo.

Vale destacar ainda que a maioria das medicações e pílulas anticoncepcionais não causam sangramento menstrual intenso, mas existem duas exceções: DIUs de cobre, que podem aumentar o fluxo menstrual, e anticoagulantes que impedem a formação de coágulos de sangue, que podem causar menstruações mais intensas.

Quando ir ao hospital com hemorragia menstrual?

Que o período menstrual pode causar uma série de desconfortos você já sabe, mas não dá para normalizar sangramentos em excesso e dores intensas. Além do sangramento intenso, você deve procurar atendimento médico imediatamente se tiver qualquer um dos seguintes sintomas:

  1. Sangramento menstrual entre períodos: Se você estiver sangrando entre períodos ou depois de ter relações sexuais, é importante procurar atendimento médico.
  2. Dor abdominal intensa: Se você estiver sentindo dor abdominal intensa, especialmente se for acompanhada de náusea ou vômito, é importante procurar atendimento médico.
  3. Fadiga e fraqueza: Se você estiver sentindo fadiga ou fraqueza, especialmente se for acompanhada de palidez, é importante procurar atendimento médico.
  4. Dificuldade para respirar: Se você estiver experimentando dificuldade para respirar, especialmente se for acompanhada de fadiga ou fraqueza, é importante procurar atendimento médico.

Em resumo, se você estiver experimentando sintomas graves ou sintomas que afetem significativamente sua qualidade de vida, é importante procurar atendimento imediatamente. Seu médico pode avaliar a causa da hemorragia e prescrever o tratamento adequado. Com saúde não se brinca, né? 🩸

Hemorragia menstrual: o que fazer

O tratamento para a perda excessiva de sangue menstrual depende da causa e é determinado pelo ginecologista após realizar um diagnóstico preciso. A anemia causada pelo sangramento excessivo pode ser tratada com suplementos de ferro e outros nutrientes. Como já citamos, algumas condições, como miomas, pólipos e tumores, podem requerer tratamento cirúrgico. Na dúvida, a melhor opções é sempre consultar um profissional da área. 👨‍⚕️

Cuidados com a saúde íntima

Nesse momento, é importante ter cuidado com a saúde íntima, mantendo uma higiene adequada e evitando o uso de produtos irritantes. Além disso, é recomendável escolher absorventes confortáveis e de boa absorção, que possam ajudar a controlar o sangramento excessivo. Assim, aquela sensação de que está descendo uma cachoeira é minimizada ✨

A longo prazo, a hemorragia menstrual com coágulos ou não pode levar a anemia, desgaste físico e até mesmo danos nos tecidos internos. Não deixe de procurar ajuda!

E nessa hora, nada melhor que contar com um produto que cuida da sua saúde íntima, não é? Nossos absorventes são feitos com algodão orgânico que proporciona simplesmente conforto total – você nem vai lembrar que está usando. Além disso, eles são suaves e hipoalergênicos, e garantem super proteção contra vazamentos, além de não conterem produtos químicos que são maléficos ao seu organismo. Ou seja, são a companhia perfeita para sua menstruação regular ou até em casos de hemorragia menstrual. 💜

Links citados no texto:

Absorvente sem abas ou com abas. Como escolher?

Benefícios dos absorventes de algodão 

Afinal, quem toma anticoncepcional tem tpm? Entenda melhor!


2 comentários


  • Olga

    Excelente esclareceu muito minha dúvida


  • Edeilza

    Excelente esclarecimento!!!!


Deixe um comentário

Observe que os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados