Cor da menstruação e o que elas podem indicar

Cor da menstruação e o que elas podem indicar

De tons de rosa ao alaranjado, de vermelho vivo a cinza escuro, você já deve ter reparado diferentes cores do seu sangue durante o período menstrual. Mas sabe por que essas mudanças acontecem e quando podem significar que tem algo de errado com nosso corpo? Vem que vamos te explicar! 😊

O que a cor da menstruação pode indicar?

A coloração do sangue menstrual tem a ver com a oxigenação do ar que, dependendo do tempo de exposição, pode deixá-lo até com um tom bem escuro (como uma borra de café). Além disso, o tempo que ele leva para percorrer do colo do útero até sair pela abertura da vagina é o que define essa tonalidade: podendo ser mais vivo ou até mesmo mais escuro.

Ou seja, a cor da menstruação é basicamente determinada pelo fluxo de sangue durante o período menstrual. Mulheres que menstruam pouco tendem a ter um sangramento mais escuro, já as que possuem um fluxo mais intenso costumam apresentar um sangramento vermelho e mais brilhante.

Outros fatores que podem influenciar a cor do sangue menstrual é o uso de alguns métodos contraceptivos hormonais e medicações. Por ser um poderoso indicativo de como está a nossa saúde, é importante observar sempre se há alguma alteração no cheiro, na composição, no fluxo ou na cor da menstruação.

O que é normal na menstruação

Você também já deve ter se perguntado o motivo dessas mudanças, e quis saber se suas amigas já tinham visto algo parecido, ne? Mas, muita calma! Vale lembrar que cada uma de nós temos particularidades únicas, e por isso, o que é normal para o corpo de uma pessoa pode não ser para o outro.

E apesar de a maioria das alterações de cor, como citamos alguns motivos acima, serem esperadas, algumas podem indicar como andam a nossa saúde e até mesmo servirem como um alerta do estado de saúde. E por isso, merecem atenção especial!

Quais cores da menstruação merecem atenção

Como já dissemos, o nosso sangue pode mudar de cor ao se misturar com outros fluidos corporais, ao entrar em contato com o oxigênio ou até mesmo com as várias substâncias químicas presentes nos absorventes comuns.

E por isso, saber analisar o que cada cor significa pode te ajudar a identificar uma possível infecção, por exemplo, e te salvar de situações desagradáveis.

  • Cor da menstruação rosa

Nem sempre, a menstruação rosa é um problema. O que é mais comum é que ela seja a mistura do sangue (que é vermelho vivo) com as nossas secreções ou muco vaginal (que são brancos) e por isso tem a ver com o ciclo menstrual (aparecendo no início ou final da menstruação), uso de anticoncepcional ou com alterações hormonais.

No entanto, em alguns casos, quando associados a outros sinais e sintomas como náusea, dor abdominal ou cheiro forte também pode ser um sinal de:

  • Alterações hormonais;
  • Infecções vaginais;
  • Lesões internas na vagina ou no colo do útero;
  • Gravidez,
  • Sangramento de escape devido ao uso de anticoncepcionais orais.

E por isso, precisam de uma avaliação médica para constatar o motivo, ainda mais se ele persistir.

  • Cor da menstruação alaranjada

A menstruação alaranjada, pode ser a mistura do sangue com algum fluido amarelo, e como esses fluidos normalmente significam infecção, esse tom de menstruação é um sinal de alerta! Isso porque em quase 100% dos casos, vem acompanhada de coceira, desconforto e secreção com mau cheiro.

Atenção especial se for acompanhado por outros sintomas, como os que citamos acima: mau cheiro, febre ou dor. Nesse caso, o ideal é procurar um médico para iniciar o tratamento assim que possível.

  • Cor da menstruação cinza

A menstruação cinza também pode indicar que algo está errado com nosso corpo, principalmente infecções. E se vier com pedaços/coágulos acinzentados, isso pode ser sinal de um abordo espontâneo. O mesmo de cima vale aqui, quando for acompanhado por qualquer outro sintoma, a urgência aumenta e o indicado é sempre procurar um médico.

Tem dúvidas sobre essas alterações durante o seu ciclo menstrual? Nós já falamos aqui sobre a cor da menstruação e porque ela varia, vem ver 💜https://www.amaiwoman.com.br/blogs/blog_amai/por-que-a-cor-da-sua-menstruacao-varia)

Você também pode estar se perguntando sobre os outros tipos de corrimentos com cores diferentes, então lá vai alguns que podem acontecer com a gente e merecem ser olhados com atenção:

  • Corrimento branco e espesso (semelhante a leite coalhado): comumente associado a candidíase;
  • Corrimento amarelo com cheiro forte: tricomoníase e clamídia, ambas Infecções Sexualmente Transmissíveis (IST’s) são as causas mais comuns;
  • Corrimento marrom e/ou com presença de sangue: caso ocorra ao fim de uma menstruação, é normal. Do contrário, pode ser sinal de gonorreia (IST), câncer de vagina, do colo do útero ou do endométrio;
  • Corrimento transparente, parecido com clara de ovo: indicação de período fértil.

Quando marcar uma consulta médica?

De modo geral, as mudanças de cor do sangue durante a menstruação acontecem, mas vale sempre prestar atenção se são acompanhadas de outros sintomas que podem significar que realmente algo está errado. Por isso o indicado é visitar regularmente um(a) ginecologista e estar sempre com os exames em dia.

E claro, se você tem/teve algum dos três casos acima também, é importante ter a opinião de um profissional que conhece o seu corpo em particular para um diagnóstico correto.


Deixe um comentário

Observe que os comentários precisam ser aprovados antes de serem publicados